Refugiados que vieram para o Brasil são tema de exposição no Sesc Osasco – MICRO SOLAR ENERGY
Responsive image
Article

Refugiados que vieram para o Brasil são tema de exposição no Sesc Osasco

https://www.visaooeste.com.br/refugiados-que-vieram-para-o-brasil-sao-tema-de-exposicao-no-sesc-osasco/

 

No Dia Mundial do Refugiado, nesta quinta-feira, 20 de junho, o Sesc Osasco inaugurou a exposição “Em Casa, No Brasil”, que traz uma casa da ACNUR, a agência da ONU para Refugiados. A mostra traz uma imersão sonora em 13 histórias de pessoas que precisaram se deslocar forçadamente de seus países de origem por perseguição ou conflitos e hoje vivem bem no Brasil.

Ao responderem à pergunta “o que te faz sentir em casa, estando longe da sua casa?”, as narrativas abordam lembranças de como eram os seus lares no Afeganistão, Colômbia, Cuba, Irã, Moçambique, Nigéria, República Democrática do Congo, Síria e na Venezuela.

Narrando o caminho percorrido até chegar ao Brasil, já aqui os depoimentos traçam sentimentos que as fazem “sentir-se em casa” no país. Palavras como “paz”, “segurança”, “prosperidade” e “liberdade” são recorrentes, embora cada história traga diferentes traços culturais e características singulares e emocionantes.

Publicidade

As casas da ACNUR, onde estarão dispostos o conteúdo dos depoimentos, são Unidades de Habitação de Refugiados (sigla RHU, em inglês). Trata-se de um abrigo autônomo, sustentável e duradouro, concebido através de uma colaboração entre o ACNUR, a empresa social Better Shelter e a Fundação IKEA.

As RHUs são uma solução inovadora de abrigo, composta com estrutura de aço leve, energia solar para carregar lâmpadas e celulares, além de um inovador sistema de  ancoragem e adaptação a diferentes condições climáticas.

Publicidade

Cada RHU tem capacidade de abrigar cinco pessoas e estão presentes atualmente em seis abrigos geridos pelo ACNUR e parceiros em Boa Vista (Rondon 1, Rondon 2, Rondon 3, Jardim Floresta, Nova Canaã e São Vicente), com aproximadamente 600 unidades instaladas.

A exposição é uma realização do ACNUR em parceria com a Estou Refugiado, organização que atua para a integração social de pessoas refugiadas no Brasil. A exposição tem o apoio institucional do SESC São Paulo e SESC Rio, que promovem em suas atividades mensais diversas iniciativas com e para pessoas refugiadas nas capitais e no interior dos estados. A empresa JadLog e a Operação Acolhida apoiam a exposição na parte logística de transporte das estruturas entre as cidades.

EXPOSIÇÃO “EM CASA, NO BRASIL”